25 fev Qual a dor que sua startup resolve?

cry 2

Um dos pontos mais importantes de se mapear antes da criação de uma startup é o problema a ser resolvido. O fato é que, quanto maior o problema ( e o número de pessoas que o tenham) mais sucesso vai fazer sua startup, então esse é um ponto que você deve ter na ponta da língua, tanto no seu discurso para clientes quanto para investidores

Vemos diariamente aqui na Aceleratech ideias de negócio que se adequam somente aos interesses dos fundadores, e não soluções replicáveis para diversos públicos. É claro que é essencial trabalhar com algo que você ama, e que te traz realizações. Mas nós sempre falamos aqui na Aceleratech que você tem que saber se você gosta de empreender ou se você gosta da sua ideia. E isso é essencial.

Gostou do que leu até agora?

Que tal se cadastrar para receber os posts sempre em primeira mão? :)

Quando você ama empreender, a ideia em si não é o mais importante, pivotar o modelo de negócio em busca de um mais lucrativo não torna-se um problema, e qualquer feedback é positivo e enriquecedor. Quando você ama sua ideia, o mais importante é que ela dê certo, não importando se ela será ou não lucrativa.

Então, se você ainda não fez esse exercício , ou se já fez também, pense: “Qual problema minha startup está solucionando, e o meu produto é realmente resolve essa dor?”

Uma boa maneira de saber o problema que sua startup resolve é tentar se lembrar do que te motivou a criar essa startup? Foi uma situação vivida por você ou algum conhecido? Como você pode explicar que seu produto é necessário? Use essa resposta em seus pitches, apresentações para investidores e em seu site. Uma boa tática é condensá-la em uma frase, para ficar mais fácil de assimilar.

Para quem já fez exercício, vale lembrar esse problema sempre, buscando melhorar seu produto sempre de acordo com as necessidades específicas dessa dor.

Equipe ACE
contato@goace.vc

A Equipe ACE é formada por profissionais multidisciplinares e apaixonados por empreendedorismo e startups :)



BrazilUSA